Freguesias de Monte Redondo e Carreira inauguraram Monumentos de homenagem aos Combatentes do Ultramar

0
269
No dia 18 de fevereiro foram inaugurados dois Monumentos de Homenagem aos Combatentes do Ultramar naturais das freguesias de Monte Redondo e Carreira, no concelho de Leiria. As duas cerimónias foram presididas pelo Presidente da Câmara Municipal de Leiria, Dr. Gonçalo Lopes, acompanhado pela Presidente da União das Freguesias de Monte Redondo e Carreira, Céline Moreira Gaspar, e o Presidente da Liga dos Combatentes (LC), Tenente-general Joaquim Chito Rodrigues. Coube ao Núcleo de Leiria da LC, na pessoa do seu Presidente, Coronel Norberto Serra, conduzir as cerimónias.
As duas cerimónias contaram com atuação da Filarmónica de Monte Redondo e a participação de dezenas de Combatentes, familiares e amigos que se reuniram para homenagear coletivamente os naturais das suas terras.
Em Monte Redondo, a inauguração do novo lugar de homenagem aos Combatentes Monteredondenses é resultado de um processo de requalificação urbana que a União das Freguesias desenvolveu para dignificar a memória dos Combatentes locais. O Monumento original foi inaugurado em agosto de 1997, junto ao Colégio Dr. Luís Pereira da Costa, mas ao longo dos anos percebeu-se que aquele espaço não cumpria o seu verdadeiro propósito conforme deliberação aprovada em Assembleia de Freguesia na década de 1990. Em 2021, a autarquia avança com a requalificação do espaço envolvente e atribui a denominação toponímica de Largo dos Combatentes, local onde é criado o novo monumento.
A requalificação urbana e construção do monumento, inaugurado neste dia 18 de fevereiro, pretende cumprir o verdadeiro objetivo de honrar todos aqueles que foram chamados para cumprir o dever cívico de defender a Pátria.
Após a homenagem aos Combatentes de Monte Redondo, seguiu-se a cerimónia de inauguração do Monumento de Homenagem aos Combatentes de Carreira. Este monumento nasceu da vontade e iniciativa dos Combatentes Manuel Santos “Amparo” e Manuel Lopes que trabalharam afincadamente na obtenção de dados para efetivar uma homenagem nominal de todos os camaradas que serviram na Guerra do Ultramar (1961-1975), envolvendo toda a comunidade local. Este Monumento é composto por uma escultura da autoria do artista Paulo Honorato e representa um “Combatente com farda (barrete – quico) utilizada para combate no Ultramar, equipado com cinturão, suspensórios, cantil, cartucheiras e G3, na posição de agachado”.
A concretização deste Monumento contou com o financiamento do município de Leiria, da União das Freguesias de Monte Redondo e Carreira e da LC.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui