Santa Margarida da Coutada – Monumento aos Combatentes do Concelho de Constância por Portugal

0
203
No passado dia 10 de junho, dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, foi inaugurado em Constância, no Largo Cabral Moncada, o Monumento aos Combatentes do Concelho de Constância por Portugal.
A inauguração do monumento foi integrada nas comemorações oficiais do concelho de Constância e foi precedida da inauguração da nova sede do Núcleo de Santa Margarida, numa cerimónia restrita, devido à situação epidemiológica que vivemos.
A cerimónia de inauguração do Monumento foi presidida pelo Presidente da Liga dos Combatentes, TGen Joaquim Chito Rodrigues e contou com a presença do Vice-Presidente da Câmara Municipal de Constância, Sr. Jorge Manuel Louro Pereira; Vice-Presidente da Liga dos Combatentes, MGen Fernando Aguda; Comandante da Brigada Mecanizada, BGen Valente Marques; Presidente do Núcleo de Santa Margarida da Liga do Combatentes, Cor António Falcão; Presidentes das Juntas de Freguesia, entre outras entidades civis, militares e religiosas, combatentes, seus familiares e população em geral.
O Monumento é uma obra da Câmara Municipal de Constância em colaboração com o Núcleo de Santa Margarida, projetado e elaborado pelo artista Ricardo Crista da Poli Urban Arte. Utilizando a técnica do aço Corten, pretendeu-se criar em alto-relevo uma personagem. Esta técnica faz com que não seja um trabalho efémero dado que ficará sujeito às intempéries do clima. Uma linha que deixa a sua marca….
A cerimónia teve início com as honras militares à entidade que a presidiu, TGen Joaquim Chito Rodrigues, seguidas das alocuções alusivas ao ato pelo Presidente da Liga dos Combatentes e pelo vice-Presidente da Câmara Municipal de Constância.
De destacar as palavras proferidas pelo Presidente da Liga dos Combatentes, saudando as Autoridades e Entidades presentes, civis e militares pela forma participativa, afirmando a solidariedade e consideração pelos Combatentes do Concelho de Constância por Portugal. Agradeceu ainda à Câmara de Constância a cedência do espaço para as instalações da sede do Núcleo de Santa Margarida da Liga dos Combatentes. Tendo finalizado o seu discurso com uma frase bem elucidativa para todos, “Honrar hoje aqui os Combatentes do Concelho de Constância por Portugal é a razão de estarmos aqui”.
De seguida procedeu-se ao descerramento do Monumento, momento esse que ficou marcado por um gesto simbólico e emotivo protagonizado pelo Senhor Arnaldo Caxias representante dos ex-combatentes, ao beijar monumento.
Na continuidade da cerimónia, foi efetuada a bênção ao monumento pelo Capelão do Exército, Padre Paulo Marques, seguida da Homenagem aos Mortos em Combate, com a deposição de coroas de flores e imposição de condecorações a ex-Combatentes.
Liga dos Combatentes
Author: Liga dos Combatentes

A LIGA DOS COMBATENTES, inicialmente designada por Liga dos Combatentes da Grande Guerra, foi fundada em 1921. Constituem objetivos da LIGA DOS COMBATENTES: a. Promover a exaltação do amor à Pátria e a divulgação, especial entre os jovens, do significado dos símbolos nacionais, bem como a defesa intransigente dos valores morais e históricos de Portugal; b. Promover o prestígio de Portugal, designadamente através de ações de intercâmbio com associações congéneres estrangeiras; c. Promover a proteção e auxílio mútuo e a defesa dos legítimos interesses espirituais, morais e materiais dos sócios; d. Cooperar com os órgãos de soberania e da Administração Pública com vista à realização dos seus objetivos, nomeadamente no que respeita à adoção de medidas de assistência a situações de carência económica dos associados e de recompensa daqueles a quem a Pátria deva distinguir por atos ou feitos relevantes praticados ao seu serviço; e. Criar, manter e desenvolver departamentos ou estabelecimentos de ensino, cultura, trabalho e solidariedade social em benefício geral do País e direto dos seus associados.

Artigo anteriorPinhel – Memorial aos Combatentes do Ultramar
Próximo artigoLisboa – 97.º Aniversário
A LIGA DOS COMBATENTES, inicialmente designada por Liga dos Combatentes da Grande Guerra, foi fundada em 1921. Constituem objetivos da LIGA DOS COMBATENTES: a. Promover a exaltação do amor à Pátria e a divulgação, especial entre os jovens, do significado dos símbolos nacionais, bem como a defesa intransigente dos valores morais e históricos de Portugal; b. Promover o prestígio de Portugal, designadamente através de ações de intercâmbio com associações congéneres estrangeiras; c. Promover a proteção e auxílio mútuo e a defesa dos legítimos interesses espirituais, morais e materiais dos sócios; d. Cooperar com os órgãos de soberania e da Administração Pública com vista à realização dos seus objetivos, nomeadamente no que respeita à adoção de medidas de assistência a situações de carência económica dos associados e de recompensa daqueles a quem a Pátria deva distinguir por atos ou feitos relevantes praticados ao seu serviço; e. Criar, manter e desenvolver departamentos ou estabelecimentos de ensino, cultura, trabalho e solidariedade social em benefício geral do País e direto dos seus associados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here