Realizou-se no cemitério de Leça da Palmeira a já tradicional cerimónia evocativa do Dia de Portugal, que o Núcleo tem organizado nos últimos onze anos, dando continuidade a uma iniciativa organizada por alguns combatentes leceiros (agora sócios da Liga) que já a realizavam antes de ser criado o Núcleo no concelho de Matosinhos. Face à conjuntura pandémica, a comemoração restringiu-se à Cerimónia de Homenagem aos Mortos em frente ao Talhão da Liga dos Combatentes, contando apenas com a presença dos membros dos Órgãos Sociais, Porta Guião e do representante do Presidente da União de Freguesias, Fernando Monteiro.
A cerimónia iniciou-se com uma alocução introdutória do Presidente da Direção, Tenente-coronel Armando Costa, tendo de seguida aquelas duas entidades procedido à deposição de duas coroas de flores, guardando-se um minuto de silêncio e sendo feita a leitura da prece do Exército, pelo Presidente da Mesa da Assembleia-geral do Núcleo, sócio combatente Ribeiro Agostinho. No fim da cerimónia, Fernando Monteiro fez uma breve alocução de agradecimento pelo convite feito à Junta de Freguesia para estar presente.
Liga dos Combatentes
Author: Liga dos Combatentes

A LIGA DOS COMBATENTES, inicialmente designada por Liga dos Combatentes da Grande Guerra, foi fundada em 1921. Constituem objetivos da LIGA DOS COMBATENTES: a. Promover a exaltação do amor à Pátria e a divulgação, especial entre os jovens, do significado dos símbolos nacionais, bem como a defesa intransigente dos valores morais e históricos de Portugal; b. Promover o prestígio de Portugal, designadamente através de ações de intercâmbio com associações congéneres estrangeiras; c. Promover a proteção e auxílio mútuo e a defesa dos legítimos interesses espirituais, morais e materiais dos sócios; d. Cooperar com os órgãos de soberania e da Administração Pública com vista à realização dos seus objetivos, nomeadamente no que respeita à adoção de medidas de assistência a situações de carência económica dos associados e de recompensa daqueles a quem a Pátria deva distinguir por atos ou feitos relevantes praticados ao seu serviço; e. Criar, manter e desenvolver departamentos ou estabelecimentos de ensino, cultura, trabalho e solidariedade social em benefício geral do País e direto dos seus associados.

Artigo anteriorTerroso assinala Dia de Portugal com homenagem a antigos combatentes
Próximo artigoPeniche – Homenagem aos Antigos Combatentes
A LIGA DOS COMBATENTES, inicialmente designada por Liga dos Combatentes da Grande Guerra, foi fundada em 1921. Constituem objetivos da LIGA DOS COMBATENTES: a. Promover a exaltação do amor à Pátria e a divulgação, especial entre os jovens, do significado dos símbolos nacionais, bem como a defesa intransigente dos valores morais e históricos de Portugal; b. Promover o prestígio de Portugal, designadamente através de ações de intercâmbio com associações congéneres estrangeiras; c. Promover a proteção e auxílio mútuo e a defesa dos legítimos interesses espirituais, morais e materiais dos sócios; d. Cooperar com os órgãos de soberania e da Administração Pública com vista à realização dos seus objetivos, nomeadamente no que respeita à adoção de medidas de assistência a situações de carência económica dos associados e de recompensa daqueles a quem a Pátria deva distinguir por atos ou feitos relevantes praticados ao seu serviço; e. Criar, manter e desenvolver departamentos ou estabelecimentos de ensino, cultura, trabalho e solidariedade social em benefício geral do País e direto dos seus associados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here