Cerimónia realizada no Forte do Bom Sucesso em Belém, no dia 11 de novembro de 2019 pelas 10H30, com a comemoração do 101.º Aniversário do Armistício da Grande Guerra, 98.º Aniversário da fundação da Liga dos Combatentes e 45.º Aniversário do fim da Guerra do Ultramar. A cerimónia foi presidida pelo Chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas, Almirante Silva Ribeiro.
As Forças em parada eram compostas por 1 pelotão da Marinha, Exército e Força Aérea, e a banda da Armada. De destacar no discurso do Presidente da Liga dos Combatentes, Tenente-general Chito Rodrigues, a importância do dia 11 de novembro como sendo o dia da paz e não o dia do Combatente, como está formalmente institucionalizado, pois os combatentes o que mais defendem é a Paz.
Houve imposição de condecorações e o desfile das Forças em parada, realização da cerimónia de homenagem aos mortos caídos em defesa da Pátria com deposição de coroas flores, invocação religiosa e homenagem aos mortos em campanha.
Procedeu-se à inauguração do passeio “João Jayme de Faria Affonso”, que se situa em frente ao Forte do Bom Sucesso-Museu do Combatente, em Belém. João Jayme de Faria Affonso foi o fundador da LIGA dos Combatentes, reconhecimento merecido pela sua grande obra.
O Núcleo de Sesimbra da Liga dos Combatentes fez-se representar na cerimónia através do seu Presidente – Sargento-mor Tm Carlos Humberto Marques Batista e do Secretário – Sargento-chefe Art Domingos António Cristão Macedo.
Liga dos Combatentes
Author: Liga dos Combatentes

A LIGA DOS COMBATENTES, inicialmente designada por Liga dos Combatentes da Grande Guerra, foi fundada em 1923. Constituem objectivos da LIGA DOS COMBATENTES: a. Promover a exaltação do amor à Pátria e a divulgação, especial entre os jovens, do significado dos símbolos nacionais, bem como a defesa intransigente dos valores morais e históricos de Portugal; b. Promover o prestígio de Portugal, designadamente através de acções de intercâmbio com associações congéneres estrangeiras; c. Promover a protecção e auxílio mútuo e a defesa dos legítimos interesses espirituais, morais e materiais dos sócios; d. Cooperar com os órgãos de soberania e da Administração Pública com vista à realização dos seus objectivos, nomeadamente no que respeita à adopção de medidas de assistência a situações de carência económica dos associados e de recompensa daqueles a quem a Pátria deva distinguir por actos ou feitos relevantes praticados ao seu serviço; e. Criar, manter e desenvolver departamentos ou estabelecimentos de ensino, cultura, trabalho e solidariedade social em benefício geral do País e directo dos seus associados.

Artigo anteriorSeixal nas Cerimónias do Dia do Armistício
Próximo artigoWinnipeg – Remembrance Day
Liga dos Combatentes
A LIGA DOS COMBATENTES, inicialmente designada por Liga dos Combatentes da Grande Guerra, foi fundada em 1923. Constituem objectivos da LIGA DOS COMBATENTES: a. Promover a exaltação do amor à Pátria e a divulgação, especial entre os jovens, do significado dos símbolos nacionais, bem como a defesa intransigente dos valores morais e históricos de Portugal; b. Promover o prestígio de Portugal, designadamente através de acções de intercâmbio com associações congéneres estrangeiras; c. Promover a protecção e auxílio mútuo e a defesa dos legítimos interesses espirituais, morais e materiais dos sócios; d. Cooperar com os órgãos de soberania e da Administração Pública com vista à realização dos seus objectivos, nomeadamente no que respeita à adopção de medidas de assistência a situações de carência económica dos associados e de recompensa daqueles a quem a Pátria deva distinguir por actos ou feitos relevantes praticados ao seu serviço; e. Criar, manter e desenvolver departamentos ou estabelecimentos de ensino, cultura, trabalho e solidariedade social em benefício geral do País e directo dos seus associados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe o seu comentário!
Please enter your name here