Alegria, encontros, homenagens, música, e muita animação, assim foi esta manhã de domingo. Muito obrigado às mais de 3000 pessoas que aderiram à 1ª Corrida da Defesa Nacional e Caminhada do Combatente e a todos aqueles que se associaram ao evento com exposições, demonstrações e atuações. A 1ª Corrida da Defesa Nacional e Caminhada do Combatente, promovida pelo Grupo Recreativo Desportivo e Cultural do Ministério da Defesa Nacional (GRDC MDN), contou com o Alto Patrocínio do Ministro da Defesa. Este evento inédito em Portugal, integrado nas comemorações do Centenário da Grande Guerra, pretendeu aproximar a Defesa Nacional da sociedade civil e da população em geral.
Ambas as provas culminaram no Forte do Bom Sucesso, junto ao Jardim da Torre de Belém, com o sobrevoo de F-16, demonstrações da capacidade cinotécnica da Força Aérea, atividades de airsoft, batismos de volteio, atuação da Banda da Força Aérea e exposições do Alouette III, de viaturas do Exército, da Unidade Biológica e Química e ainda exposições alusivas à participação de Portugal na Grande Guerra. A campeã olímpica Rosa Mota e o Miguel Carneiro apadrinharam as provas.
Este evento contou com a participação do Ministro da Defesa Nacional, José Azeredo Lopes, do Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas, Almirante António Silva Ribeiro, da Secretária de Estado Adjunta e da Justiça, Helena Mesquita Ribeiro, do Chefe do Estado-Maior da Armada, Almirante Mendes Calado, do Vice-Chefe do Estado-Maior do Exército, Tenente-General Campos Serafino, do Vice-Chefe do Estado-Maior da Força Aérea, Tenente-General Pimenta Sampaio, e de milhares de Atletas e entusiastas de todas as idades. Parabéns a todos pela participação.
Fonte: Defesa Nacional
Liga dos Combatentes
Author: Liga dos Combatentes

A LIGA DOS COMBATENTES, inicialmente designada por Liga dos Combatentes da Grande Guerra, foi fundada em 1923. Constituem objectivos da LIGA DOS COMBATENTES: a. Promover a exaltação do amor à Pátria e a divulgação, especial entre os jovens, do significado dos símbolos nacionais, bem como a defesa intransigente dos valores morais e históricos de Portugal; b. Promover o prestígio de Portugal, designadamente através de acções de intercâmbio com associações congéneres estrangeiras; c. Promover a protecção e auxílio mútuo e a defesa dos legítimos interesses espirituais, morais e materiais dos sócios; d. Cooperar com os órgãos de soberania e da Administração Pública com vista à realização dos seus objectivos, nomeadamente no que respeita à adopção de medidas de assistência a situações de carência económica dos associados e de recompensa daqueles a quem a Pátria deva distinguir por actos ou feitos relevantes praticados ao seu serviço; e. Criar, manter e desenvolver departamentos ou estabelecimentos de ensino, cultura, trabalho e solidariedade social em benefício geral do País e directo dos seus associados.

Artigo anterior«Conservação da Memórias» – Trasladação de restos mortais
Próximo artigoAlcobaça – 94.º Aniversário do Núcleo
Liga dos Combatentes
A LIGA DOS COMBATENTES, inicialmente designada por Liga dos Combatentes da Grande Guerra, foi fundada em 1923. Constituem objectivos da LIGA DOS COMBATENTES: a. Promover a exaltação do amor à Pátria e a divulgação, especial entre os jovens, do significado dos símbolos nacionais, bem como a defesa intransigente dos valores morais e históricos de Portugal; b. Promover o prestígio de Portugal, designadamente através de acções de intercâmbio com associações congéneres estrangeiras; c. Promover a protecção e auxílio mútuo e a defesa dos legítimos interesses espirituais, morais e materiais dos sócios; d. Cooperar com os órgãos de soberania e da Administração Pública com vista à realização dos seus objectivos, nomeadamente no que respeita à adopção de medidas de assistência a situações de carência económica dos associados e de recompensa daqueles a quem a Pátria deva distinguir por actos ou feitos relevantes praticados ao seu serviço; e. Criar, manter e desenvolver departamentos ou estabelecimentos de ensino, cultura, trabalho e solidariedade social em benefício geral do País e directo dos seus associados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe o seu comentário!
Please enter your name here